AMP 2016


Bibliofalante




Bibliofalante quer ser um instrumento que ciente do inesgotável da mina que procura perscrutar, se ofereça como objeto para aqueles que dela queiram se servir. Equipes constituídas nas cinco línguas mais faladas no Campo Freudiano tomarão como bússola compartilhada de investigação o significante parlêtre.


A cada uma cabe a fina extensão da articulação do “parlêtre” com outros significantes que surjam no curso da investigação: Corpo, RSI, Sinthome, Inconsciente, Escabelo, são alguns dos já identificados.


A proposta é escolher a citação precisa que ajude a orientar leituras de Freud ao mais contemporâneo dos autores que se enderecem ao corpo falante. Uma bibliografia para desbravadores, como indica Jacques-Alain Miller em sua conferencia de abertura.


Até a realização do Congresso, a pesquisa bibliográfica será publicada em dois tempos, (a primeira versão em julho, a final em janeiro) no formato flipbook, escolhido por seu potencial interativo e por ser um suporte que permite singularizar o percurso de cada um.


Desde já agradecemos a boa disposição dos colegas aqui nomeados, provenientes de todas as Escolas da AMP, para integrar-se a esta viagem.


Marcela Antelo


Flippinkbook

Flippingbook




Image title




Top